Ensaio fashion top model Gabriela Reis

A mineirinha Gabriela Reis, já estrelou campanhas da Vogue e Lays Chips, mas até brilhar, ela enfrentou dificuldades. Confira o ensaio dela.

Mineira, de Piedade do Rio Grande, a modelo Gabriela Reis, quase desistiu da carreira de modelo, porém uma oportunidade do outro lado do mundo fez a vida dela mudar. Role para baixo e acompanhe o ensaio fashion top model Gabriela Reis.

Gabriela conta que o interesse em ser modelo surgiu por incentivo da mãe. “Ela, provavelmente percebeu que eu gostava de brincar de teatro e propagandas de TV. Eu fazia também roupas para bonecas. Entretanto, nós morávamos no interior e não sabíamos como e por onde começar”.

Gabriela é mineira de Piedade do Rio Grande

Para ingressar no mundo da moda Gabriela precisava investir e como não tinha condições, optou por abrir do sonho. Por isso, decidiu então mudar para a cidade grande e cursar uma faculdade.

O desejo de modelar ainda persistia, tanto que no 5º período da faculdade, Gabriela se sentia deslocada no curso de Educação Física.

Depois de bater em muitas portas e receber apenas respostas negativas, um casting internacional parecia ser finalmente a chance que a modelo esperava.

“Não deu muito certo, me deram um cartão, e sem uma resposta concreta. Achei que era o fim, que não tinha talento, e que o mais sensato era seguir minha carreira, já que estava prestes a me formar”.

Ainda sim, Gabriela não desistiu. “Eu continuava acreditando em mim, mais que qualquer outra pessoa”. Gabriela, por incentivo do namorado, fez um curso de inglês, e investiu no crescimento pessoal. De acordo com ela, quando terminou a faculdade estava desempregada, e sem uma renda certa.

Top Model Gabriela Reis, do Brasil para a Índia

A virada veio numa atividade do dia a dia. Um dia arrumando o armário, ela o cartão da agência internacional e decidiu então enviar as polaroids.

A resposta positiva, enfim chegou, ela havia sido aprovada, e uma agência na Índia tinha um contrato disponível.

“Pirei, o medo tomou conta, não sabia por onde começar, uma vez que eu não esperava nada assim. Precisava tirar o visto e nem sabia como, além disso, tinham mais gastos, como book e passagem para São Paulo”.

Gabi conta que vendeu tudo: geladeira, guarda-roupas, fogão, inclusive roupas e sapatos. “Fiquei só com o mínimo, sai da casa de aluguel e dai fui viajar com U$ 100 dólares para ficar seis meses”. Naturalmente, desde então a carreira dela deslanchou.

Quais os seus principais trabalhos na área?

“Todos os trabalhos são importantes, pois aprendi muito com eles, lições grandiosas, mas o principal foi meu primeiro comercial a para Lays Chips. Eu nunca tinha feito cursos de atuação, sobretudo pelas condições financeiras, e foi um trabalho muito difícil, mas ao mesmo tempo gratificante. Quando vi o resultado final, percebi meu talento e comecei a gostar de fazer esse tipo de job”.

Atualmente, a top model se dedica, entre outras coisas, ao seu canal no You Tube. O objetivo é ajudar modelos que pretendem trabalhar no exterior. Gabi ajuda com a parte de vistos, como preencher formulários, aonde ir, e o que fazer.  “Quero colaborar com essas meninas, principalmente naquilo que mais me assustou e não tive ajuda, para que elas não passem pelo meu desespero”.

Entrevista pingue-pongue com Gabriela Reis

O que você faz nas horas vagas?

Gosto de ler, estudar e fazer cursos.

Como seria um dia perfeito para você?

Um dia perfeito para mim é o hoje: chuva, sol, frio ou quente. Sozinha ou em família, com problemas ou sem, dificuldades ou facilidades. Acho que é perfeito do meu jeito.

O que você prefere, livros ou filmes?

Vixi amo os dois, já li e assisti vários. Aliás, filmes eu gosto de todos os gêneros, assim como prefiro livros de romances espíritas, espiritualidade, neurociência, psicologia, comportamento humano e inspiradores.

Qual a sua viagem dos sonhos?

Viajar o mundo todo.

Qual o seu hobby?

  • Andar de bike com meu namorado, porque gostamos de pedalar longas distâncias.
  • Ler
  • Brincar com meus animais
  • Meditar
  • Ir ao cinema

Confira outros ensaios fotográficos aqui.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments