Alimentação Colorida: benefícios da nutrição pelas cores

Alimentação Colorida: benefícios da nutrição pelas cores

Primeiramente, você já ouviu falar da nutrição pelas cores?

A ideia é diversificar o prato e incluir ingredientes de todas as tonalidades. Dessa forma, fica fácil compreender o poder do benéfico da comida colorida.

Descubra os benefícios da alimentação colorida

Os nutrientes que cada grupo de alimento fornecem para o bom funcionamento do corpo.

Por trás de cada cor existe uma dose de saúde e bem-estar. Além disso, um prato colorido é mais saboroso para crianças e adultos.

Alimentação colorida, nutrição e saúde

Uma alimentação balanceada é a porta de entrada para uma vida mais saudável, e por isso o colorido é importante.

Confira por grupos de cores os principais benefícios de cada um:

Alimentos com tonalidade amarelo e alaranjado:

São ricos em vitaminas A e C, antioxidantes, como o betacaroteno, e também auxiliam o sistema imunológico.

Porém outra vantagem em consumir frutas e legumes nessa coloração, é que elas são ótimas para manter a pele saudável e evitar o envelhecimento precoce da mesma.

Mais verde, por favor:

Nesse grupo, os alimentos são ricos em clorofila, logo são grandes aliados na prevenção de doenças cardiovasculares, bem como estimulam a produção de glóbulos brancos e vermelhos.

Entretanto, são também, boas fontes de cálcio, ferro, potássio e
vitaminas A, C e K.

Branco, nada básico:

Os alimentos desse grupo são conhecidos por serem geradores de energia, e
abundantes em cálcio, potássio e vitamina A.

O consumo é importante para o desenvolvimento dos ossos, e também para manter o bom funcionamento dos músculos e do sistema nervoso.

Leite, ovos, banana, batata doce, couve-flor, são inúmeras possibilidades de sabores.

Alimentos vermelhos:

Pimentões, morangos, goiabas vermelhas, tomates, framboesas, são alguns
alimentos ricos em licopeno, uma substância que tem poder antioxidante.

Os vermelhinhos são notáveis, porque ajudam a turbinar a memória e a produção de neurônios.

Roxo:

Para dar um up na saúde do coração, neutralizar substâncias cancerígenas e de quebra retardar o envelhecimento, o ideal é ingerir alimentos roxos ricos em vitamina B1 e antocianina: berinjela, jabuticaba, amora, açaí, uva e repolho roxo, por exemplo.

Marrom:

Para fechar esse roteiro de cores e dicas de saúde em forma de alimento, os cereais integrais e sementes oleaginosas não podem faltar.

Eles são fonte de vitaminas do complexo B, E, magnésio e selênio. Seus benefícios incluem: ação contra a fadiga, vasodilatadores.

Pratos naturalmente saudáveis e coloridos

Montar uma refeição colorida é uma maneira de buscar saúde de maneira prazerosa e saborosa.

No Projeto Sabor você monta o seu prato colorido como desejar, o nosso cardápio possui opções com todos os grupos de cores.

Servimos comida de verdade, valorizando os ingredientes naturais

Dica:

Comer na companhia de familiares ou amigos é estimulante e torna o
momento da refeição ainda mais prazeroso.

No Projeto Sabor somos especialistas em promover ótimos encontros regados a comida de verdade.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.