Como a Inteligência Artificial irá mudar nosso cotidiano. Por lucas Machado

Como a Inteligência Artificial irá mudar nosso cotidiano

Com o avanço da capacidade de criar, a inteligência artificial está desafiando agências e profissionais a manterem sua relevância. Além disso, a IA vem monopolizando as discussões na internet com a chegada do ChatGPT e outras IA’s generativas.

Limites da IA

Por causa disso, o interesse e a urgência do tema também reverberam no âmbito legal. Ao redor do mundo, governos e instituições discutem os limites da IA e as possibilidades de regulação.

Durante o Mídia Master 2023, realizado nos dias 18 e 19 de abril, no Royal Palm Plaza, em Campinas, o pesquisador e professor da Fundação Dom Cabral, Marcelo Nakagawa, explicou que a velocidade da mudança aumentou e vai continuar progredindo nos próximos anos.

A inteligência artificial está desafiando profissionais e agências a manterem sua relevância. O interesse e a urgência do tema também reverberam no âmbito legal. Governos e instituições discutem os limites da IA e as possibilidades de regulação.

Fundação Dom Cabral

Para Marcelo Nakagawa, pesquisador e professor da Fundação Dom Cabral, a escalada da inteligência artificial acontece não por uma evolução no conceito em si, mas porque ela encontra um estágio de maturidade em aprendizado de máquina e processamento de linguagem natural sofisticada – área que estuda problemas da geração e compreensão automática de línguas humanas. Nesse estágio, a IA atende conhecimentos que vão para além do lógico matemático e invade outros contextos, como o visual, com a criação de imagens.

Profissionais de mídia têm sido impactados com o avanço da capacidade de criar da IA, que vem ganhando espaço e movimentando as agências. A IA impacta todas as áreas das agências, mas o maior impacto está nas áreas de dados e tecnologia. Ela ajuda a tirar o dia a dia, que é o básico, e dá tempo para o pensamento crítico.

Por outro lado, existem desafios. É necessário que os profissionais de mídia encarem a automação como sócios. O receio é de um gap de estratégia com a mudança de uma geração para outra. É importante ter em mente que a informação é uma abstração que só existe na mente humana, portanto, a capacidade de pensar sobre pensar e articular conceitos é fundamental.

Mudanças

Com certeza, a inteligência artificial vai mudar a vida das pessoas de diversas maneiras. Desde a automatização de tarefas simples até a criação de soluções inovadoras em áreas como saúde e educação, a IA tem o potencial de transformar o mundo em que vivemos.

No entanto, é importante ter em mente que a IA não substituirá completamente os seres humanos, mas sim trabalhará em conjunto com eles para alcançar objetivos comuns. É preciso estar atento às mudanças para aproveitar as oportunidades oferecidas pela IA e minimizar seus possíveis impactos negativos.

Regulamentação

A regulamentação da inteligência artificial é um tema de discussão em vários países ao redor do mundo. No entanto, não há um prazo definido para a implementação de leis e regulamentos específicos para a IA. Cada país está em um estágio diferente no que diz respeito à discussão e implementação da regulamentação da IA.

É possível que algumas nações levem anos para definir as políticas e regulamentações necessárias, enquanto outras podem implementar medidas mais rapidamente. O importante é que haja um debate aberto e constante sobre o tema, visando a criação de um ambiente regulatório que proteja os direitos e interesses de todas as partes envolvidas.

Tranformações

A inteligência artificial certamente trará grandes avanços e transformações para a humanidade, mas não sem seus desafios. Por um lado, a automação pode levar à perda de empregos e a uma maior desigualdade econômica.

Por outro lado, a IA também apresenta riscos significativos, como a possibilidade de viés algorítmico e a privacidade de dados. Além disso, a regulação da IA é um tema controverso e ainda em desenvolvimento.

No entanto, é importante lembrar que a inteligência artificial é uma ferramenta poderosa que pode ser usada para resolver muitos dos desafios que a humanidade enfrenta atualmente, como a mudança climática. O desafio é encontrar um equilíbrio entre o uso responsável da IA e a proteção dos direitos e interesses de todas as partes envolvidas. Hasta !!

Lucas Machado instagram

Lucas Machado LinkedIn

Sobre Lucas Machado

Advertisement

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários estão fechados.