O que é cultura Geek? Como se aplica nas tatuagens

O segmento da cultura pop nunca esteve tão em voga como nos últimos anos!

Universo Geek

Não só na música, mas em seriados de TV, desenhos, e uma variedade de situações.

Cultura pop

Inclusive, é um dos segmentos da cultura pop mais ricos, porque tem infinitas possibilidades: personagens, símbolos, sagas, frases, cenas, jogos e uma vasta gama de referências que podem ser utilizadas na criação de uma arte para tattoo.

Inclusive com a cultura pop disseminando o universo geek, alguns personagens, jogos e filmes que estavam empoeirados e esquecidos na velha geração, tiveram chances de se tornarem conhecidos pela nova geração através das muitas live-action atualmente produzidas.

No entanto, é muito comum nos tempos de hoje encontrarmos pessoas com tatuagens referentes a esses símbolos do mundo geek.

Inspiradas em jogos dos anos 90

Desse modo, as possibilidades de tattoo geek inspiradas em jogos são um prato cheio, entretanto uma das mais populares.

Definitivamente são aquelas inspiradas nos jogos do Mario, pois a tendência é que nunca saiam de moda.

O encanador italiano bigodudo viciado em cogumelo é o maior sucesso da Nintendo e é símbolo da cultura pop. Mortal Kombat, Street Fighter, God of War, Pokemon e Zelda.

Mundo dos heróis

Portanto, essa é um dos temas mais vastos e, consequentemente, um dos mais difíceis de escolher a opção perfeita de tatuagem geek.

Há uma infinidade de opções baseadas tanto em quadrinhos como filmes que irá deixar todo geek em dúvida, por isso, se esse for seu caso precisa avaliar bem as opções.

Para vocês ter uma ideia de como esse tema é amplo basta conferir algumas das opções de tatuagens geek que podem ser inspiradas em quadrinhos e filmes:

A Bela e a Fera, Batman, Coringa, Flash, Harry Potter, Homem Aranha, Mulher Gato, Mulher Maravilha.

Pequena Sereia, Senhor dos Anéis, Star Wars, Super Homem, Thor, Vingadores, X-Men, entre outros.

O que é cultura Geek? Como se aplica nas tatuagens

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.