A importância do consumo local

  • por em 16 de setembro de 2020

Consumo local. Definitivamente você ajuda o planeta consumindo de produtores locais! Isso encurta o caminho entre a colheita e sua casa!

Com isso, é gasto menos combustível, menos energia no processo , menos embalagem( uma vez que a viagem é mais curta), e por fim, produzimos menos lixo.

Você além de economizar dinheiro , promove a economia local, gerando mais empregos para sua cidade e região.

Os produtos são mais frescos e aumenta a preservação dos espaços rurais com o fortalecimento da agricultura familiar.

Você conhece todas as etapas por onde passam os alimentos que consome? https://lifestyle.uai.com.br/saude/voce-conhece-todas-as-etapas-por-onde-passam-os-alimentos-que-consome/

Agricultura Familiar

A ONU instituiu em 2017 o decênio internacional da agricultura familiar ( 2019 – 2028), fato tem enorme relevância, pois representa 70% dos alimentos consumidos pelos brasileiros e 77% dos empregos da agropecuária do país.

A grande maioria (cerca de 70%) das pessoas que sofrem de fome no mundo, vivem em áreas rurais pobres, de países em desenvolvimento.

Muitos deles são agricultores familiares de subsistência, o que inclui camponeses, pastores, pescadores.

Gostaria de convida-los a uma importante reflexão: não é no mínimo perturbador saber que a maioria das pessoas que estão na linha de fome são as pessoas responsáveis por alimentar o mundo?

No Brasil, apesar de alguns programas de incentivo a agricultura familiar, ainda existem vários entraves por parte do governo, como o congelamento de diversas modalidades e financiamentos, alegando falta de orçamento.

Apenas 14% dos financiamentos e 23% das terras são para as famílias agricultoras.

Essa cultura segue práticas que preservam o meio ambiente e a biodiversidade, sem provocar o desmatamento e o uso intensivo de água e o esgotamento do solo.

Além de garantir a segurança alimentar com a grande diversidade de alimentos.

A importância do consumo local

Instagram: https://www.instagram.com/tatigiacoia/

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.