Rincon Sapiencia a nova geração de poetas urbanos

Rincon Sapiencia a nova geração de poetas urbanos. Se alguém perguntar a você sobre o Danilo Albert Ambrósio, paulista de 35 anos, certamente você não saberá dizer.

Rincon Sapiência

Mas se alguém perguntar sobre Rincon Sapiência com certeza haverá uma história para contar sobre o Manicongo.

Ele começou sua carreira a 20 anos, mas só em 2009 teve sucesso com “Elegância”. Aliás, esse poeta e rapper sabe manter a elegância quando tem que barbarizar em suas músicas e em sua atitude.

Rincon é conhecido por letras polêmicas e, da mesma forma, por suas oficinas de poesia, realização de eventos de hip hop e diversas outras atividades de engajamento social. Ele personaliza o ativismo.

Fórum Social Mundial

Aliás, esse formador de opinião participou do Fórum Social Mundial em 2005 ao fazer um Freestyle Rap, vencendo a competição do improviso.

Dentre tantas atividades, vale o destaque de sua participação no Poetas no Topo 3.1 – Prólogo.

Nesse trabalho, ele, juntamente com 37 MCs de 8 estados, gravam uma série de vídeos, programada para terminar no Topo 3.3. Em 2017 a Rolling Stone Brasil elegeu o seu disco Galanga Livre como o melhor do ano.

Sua atitude é tão representativa que, aliás, tem parceria com diversos músicos como Projota e MC Rashid no programa Manos e Minas, gravou com a IZA e a Alice Caymmi, além de ter gravado com NX Zero e vários outros artistas.

Racismo

Inegavelmente, Sapiência é engajado não só nas questões sociais como nas raciais e políticas, lutando contra o racismo.

Em 2016 ele declarou ao jornal EL Pais que o crack é um problema de saúde pública e mostrou suas preocupações.

Critica Social

Em seu disco independente, Galanga Livre, Rincon sobretudo apresenta uma forte crítica social e ao racismo. Crescido ao som de Marvin Gaye, Tim Maia, Michael Jackson, Jorge Ben e Racionais MC’s, foi se construindo.

Rincon, definitivamente é um dos maiores representantes da nova geração de rappers brasileiros, e é influência e inspiração para todos os novos músicos. Aliás, ele sabe muito bem do impacto que causa.

De fato, nomes como Karol Conka, Djonga, Baco, dentre outros rappers, não só já trabalharam com Sapiência como se inspiram nele. E com certeza, Sapiência continuará sendo inspiração para outros novos talentos.

Além disso, Rincon dita moda e se preocupa com ela, dizendo que seu trabalho não pode estar dissociado dessa expressão. Por isso a Colab com Kanui, para Mundo Manicongo, trouxe músicas e uma coleção com muitas peças de roupas. 

Rincon Sapiencia a nova geração de poetas urbanos

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.