Os novos esportes das Olimpíadas de Tóquio 2021

  • por em 4 de março de 2021

Os novos esportes das Olimpíadas de Tóquio 2021

Em meio à pandemia do novo coronavírus, fãs e atletas dos jogos olímpicos terão que se adequar às regras de segurança. Além disso, um clima de incerteza paira no ar em relação à realização plena das atividades, mesmo que o comitê já tenha traçado as diretrizes para prosseguir com o evento. 

No entanto, o que parece certo é a inclusão de novos esportes nas modalidades das Olimpíadas de Tóquio, no Japão. Dessa forma, algumas categorias vão ganhar os holofotes e entrar para o seleto grupo do tradicional torneio. 

Os novos esportes das Olimpíadas

Primeiramente, as novidades ficam por conta do karatê, do beisebol, do surfe, do skate e da escalada. Entretanto, os cinco ainda não estão incluídos na lista de esportes olímpicos, mas farão parte da disputa e com direito a medalhas.

Com isso, o motivo por trás das escolhas é um aceno para duas práticas comuns no Japão – beisebol e caratê. Por outro lado, a opção pelo skate, escalada e surfe é a medida encontrada pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) para chamar o público mais jovem a assistir aos embates.

Entretanto, o beisebol não é totalmente inédito nas Olimpíadas, já que a modalidade faz parte dos jogos desde 1992, quando o torneio aconteceu em Barcelona, na Espanha. Porém, o COI decidiu adicioná-lo na seleção das novidades. 

Quem são os melhores atletas de cada modalidade?

Karatê – Sandra Sanchez (ESP), Valéria Kumizaki (BRA), Damian Quintero (ESP), Vinícius Figueira (BRA); Douglas Brose (BRA). 

Beisebol – Mike Trout, Brucy Harper, Giancarlo Staton e Manny Machado – todos do Major Baseball League – MBL.

Surfe – Clarissa Moore (EUA), Stephanie Gilmore (Aus) e Caroline Marks (EUA); Gabriel Medina (BRA), Ítalo Ferreira (BRA), John John Florence (Havaí).

Skate – Tony Hawk (Canadá), Bob Burnquist (BRA), Letícia Bufoni (BRA), Nyjah Houston (EUA).

Escalada – Alex Honnold (EUA), Tommy Caldwell (EUA) e Kevin Jorgeson (EUA).

Quais os países com mais chances de vencer e como estão sendo os preparativos?

A princípio, o karatê e o surfe têm chances de levar o Brasil ao topo, diante dos grandes nomes nacionais. Por outro lado, o beisebol e a escalada podem fazer com o que os Estados Unidos tomem a dianteira.

Já no skate, a resposta não é tão simples, já que Canadá, Estados Unidos e Brasil também contam com atletas de peso. Porém, tudo pode acontecer nas Olimpíadas e outros países subirem ao pódio.

Cada atleta tem uma preparação única, mas algo em comum entre eles é o treinamento constante para a conquista de medalhas em um torneio tão importante. 

Os novos esportes das Olimpíadas de Tóquio 2021

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments