Livro é considerado manual de combate a ansiedade no trabalho

ansiedade no trabalho

Controle a ansiedade no trabalho

Ansiedade no trabalho?

Nunca se falou tanto em saúde mental e necessidade de estabilidade emocional. Isso porque, tempos de pandemia da COVID-19 trouxeram incertezas. Além disso, aguçou problemas mentais em grande parte da população. Assim, gerou muita ansiedade no trabalho.

Segundo o estudo da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas, cerca de 40% dos brasileiros sentiram tristeza ou depressão na pandemia. Portanto, essas pessoas também aumentaram o consumo de cigarro, álcool e comida industrializada.

Por isso mesmo, a inteligência emocional se tornou item de luxo. Além disso, bem avaliado para a análise de perfil profissional. As pessoas estão mais ansiosas, depressivas e têm média excessiva.

No mercado de trabalho isso não é diferente. O home office, aliado à necessidade de isolamento agravou tudo. Contudo, muitos gestores ainda não estão preparados para identificar aspectos emocionais na equipe.

Saúde mental

Para se ter ideia de como a saúde mental ainda é um tabu, antes da pandemia, apenas uma em dez pessoas falava com o chefe sobre ansiedade.

Sabendo disso, as autoras Chester Elton e Adrian Gostick escreveram o livro, que tem sido visto como manual: “Anxiety at Work: 8 Strategies to Help Teams Build Resilience, Handle Uncertainty, and Get Stuff Done”.

Sendo que em português, a tradução literal é “Ansiedade no trabalho: 8 estratégias para ajudar as equipes a desenvolverem resiliência, lidarem com a incerteza e realizarem as tarefas”.

O medo das pessoas falarem sobre ansiedade com a chefia está ligado à retaliação. Elas têm receio de não serem vistas para promoções e aumento de salários.

Identifique a ansiedade no trabalho

Isso ocorre pelo medo social de preconceito. Já que, infelizmente, pouco se fala das doenças da mente. Ao líder fica a missão de bom observador.

Isso porque, detectar problemas mentais entre funcionários significa proporcionar um ambiente psicologicamente saudável. Além disso, fica mais simples reter talentos e desenvolvê-los.

1 – abandone excesso de tradicionalismo e a ansiedade no trabalho;

2 – compartilhe experiências pessoais;

3 – crie um ambiente seguro e controle incertezas;

4 – individualize a comunicação e as respostas às necessidades;

5 – seja sincero e incentive sua equipe;

6 – tenha empatia e compaixão.

Ansiedade no trabalho?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários estão fechados.