Saúde

Yoga e chá: combinação milenar

Sob forte influência da Índia e sua cultura.

Primeiramente, a instrutora conta como a combinação milenar ajuda a restabelecer o equilíbrio e a conexão pessoal.

Valentina Asmus (pronuncia-se Ásmus), 32 anos, pratica yoga há sete anos.

No entanto hoje ensina o método Ashtanga Yoga em seu estúdio no bairro Moinhos de Vento, em Porto Alegre.

Assim, o chá faz parte do dia a dia de Valentina na busca por equilíbrio e também para restabelecer a conexão consigo mesma.

Nesta entrevista, ela fala sobre três paixões indissociáveis:

Yoga, chá e a Índia, país que mudou a vida de Valentina. É a tripla combinação que protagoniza a campanha Chai, da Tea Shop, a maior e mais especializada rede de lojas de chá gourmet do Brasil.

O Ashtanga tem como fio condutor a respiração e trabalha o corpo de forma integral, pois contempla todos os grupos musculares.

“Ele é bem simples e todas as pessoas podem fazer, mesmo quem é sedentário ou nunca praticou yoga”, explica a instrutora.

Em 2016, Valentina visitou a Índia para estudar Ashtanga Yoga no berço do método, a região de Mysore, no sul do país.

Lá teve aulas com o professor Sharath Jois, neto do criador da prática.

Veja a seguir alguns trechos da conversa:

Chá tem a ver com yoga?

Chá é uma ciência irmã do yoga. Entre seus benefícios estão a prevenção de doenças, o equilíbrio do corpo e da mente, além de proporcionar autocuidado e autoconhecimento.

Antes, durante ou depois da prática?

Antes da prática deve ser bebido com moderação e após a prática é um carinho oferecido ao corpo, revigorante.

No método que eu ensino, o Ashtanga, não se bebe nada durante a prática, pois o corpo passa por processos de purificação e estímulo do sistema digestivo.

Por este motivo, durante a prática não se consome nada, o estômago deve ficar vazio. Nem água.

Quais chás fazem parte da sua vida e em que momentos?

Costumo sempre encerrar o dia com chá. Hoje a infusão mais presente é a de camomila.

Quando sinto que preciso de algo para ajudar na imunidade acrescento gengibre, canela.

lucasmachado

Editor Chefe. Estudou na Barry University San Rosé, Silicon Valley (Califórnia). Prêmio nacional de MKT de incentivo (Newton Paiva). Agitador cultural com mais de 12 estabelecimentos noturnos. Autor do Livro: Destrinchando Guerreiro do Asfalto. Escreve a mais de 20 anos para os Diários Associados e diversos veículos de comunicação. Diretor-executivo na Byoo. Empresa de comunicação que faz biografias escritas através de conteúdos criativos.

Posts recentes

Dezembro luz sustentável

Dezembro luz sustentável Primeiramente acreditamos que juntos vamos mais longe, que juntos somos mais, que…

13 horas ago

Estética e beleza na Savassi. Por Elisabete Candiotto

Estética e beleza na Savassi. Por Elisabete Candiotto Uma boa profissional tradicionalmente falando é algo…

2 dias ago

Vida consciente e sustentável não é mais uma opção e sim uma necessidade

Vida consciente e sustentável não é mais uma opção e sim uma necessidade Por Wedson…

4 dias ago

Recortes do futebol em 2021

Recortes do futebol em 2021 Para aqueles que gostam de futebol a falta de competições…

5 dias ago

Royal Mansour Marrakech: eleito o melhor SPA do mundo

Royal Mansour Marrakech No Royal Mansour Marrakech, o exclusivíssimo palácio é propriedade do Rei de…

5 dias ago

Tattoo: Pontilhismo Dotwork e Blackwork

Tattoo: pontilhismo Dotwork e Blackwork Primeiramente falamos aqui sobre estilos coloridos e como eles podem…

6 dias ago

Thank you for trying AMP!

We have no ad to show to you!