Netflix: O Gambito da Rainha e os desafios do xadrez

  • por em 4 de dezembro de 2020

Netflix: O Gambito da Rainha.

A série O Gambito da Rainha foi lançada no final de outubro de 2020 e já se tornou a minissérie mais vista pela Netflix.

E tem uma trama envolvente que fala dos segredos do xadrez. 

De antemão, você precisa saber que o xadrez é um jogo criado no século VI, com a sua origem um pouco controversa. 

No entanto naquela época, o nome era “shaturanga”, algo relacionado como o “os quatro elementos de um exército”.

Assim, foi para terra da Muralha da China e índia. 

Benefícios do xadrez

Seus benefícios vão desde boa memória a tomada de decisão.

Ganho na memória

Então se você é daquelas pessoas que vive se esquecendo onde deixou a chave da casa, perdendo carteira ou até mesmo esquecendo o que comeu no almoço, o xadrez pode te ajudar muito. 

E com as variáveis do jogo, é preciso estar atento para pensar nas jogadas seguintes. 

Com o passar do tempo, a sua memória vai se aguçando e se tornando cada vez melhor. É o que os personagens relatam na série nitidamente.

Assim Anya Taylor Joy, (Elizabeth Harmon), consegue, por exemplo, 350 jogos de memória, como acontece na trama. 

Tomada de decisões

Os indecisos não vão poder ficar à mercê de alguma atitude. É preciso se arriscar e tomar decisões, ainda que você precise pensar muito.

Desde as primeiras jogadas, você esta sendo forçado as responsabilidades de decidir a mexer uma peça ao invés de outra. 

Isso estimula o pensamento estratégico, observando os benefícios e perdas de cada decisão. Por isso, há jogadas de até cinco horas antes de tomar alguma escolha, parte da trama da história. 

Criatividade

Ao imaginar as diferentes jogadas dos seus adversários com a prática, você vai ficando cada vez mais criativo.

Bom se você é um amante dos jogos e curte uma dose alta de adrenalina pode ver sem medo de ser feliz e saiba você vai aprender muito.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.