Canal vegano chega a 1 milhão de inscritos

  • por em 27 de fevereiro de 2021

Canal vegano chega a 1 milhão de inscritos

Antecipadamente, o veganismo veio para ficar. Pelo menos é o que parece diante da quantidade de pessoas que têm aderido ao movimento. Em primeiro lugar, a cultura vegana vai além da alimentação e diz respeito a absolutamente tudo que está ligado aos costumes e hábitos.

Maior canal de gastronomia vegana

Nesse sentido, uma das maiores demonstrações do crescimento vegano é a marca de 1 milhão de seguidores conquistados pelo canal ‘Pensando ao Contrário’, no YouTube Brasil.

Com isso, os seguidores podem ter acesso a receitas de comida, cosméticos, materiais de limpeza e tudo aquilo que encontra solução fora da origem animal. Além disso, receitas sem lactose, glúten ou açúcar também podem ser conferidas.

Aliás, os espectadores têm a chance de descobrirem formas de aproveitar os alimentos sem desperdiçar. Afinal, as cascas são excelentes fontes de vitaminas.

Quem está por trás de tudo isso?

A idealizadora do canal ‘Pensando ao Contrário’ é a jovem bióloga Camila Victorino. Por meio de seus vídeos, Camila procura mostrar todo e qualquer tipo de solução que preze pela sustentabilidade.

Por isso, as pessoas entram em contato com dicas e sugestões valiosas para uma rotina que não prejudique nem os animais nem o meio ambiente.

Estes são os nortes do Pensando ao contrário, sempre!”.

Dessa forma, a proposta de um mundo melhor está fazendo efeito, pois Camila Victorino já conquistou a atenção de muita gente interessada em se juntar a este estilo de vida.

Como começar o veganismo?

Ou seja, a mudança não se restringe somente ao alimento, mas ao comportamento em relação ao mundo.

Portanto, canais no YouTube, livros e documentários são excelentes fontes para se informar sobre o veganismo e se dispor a um estilo de vida sustentável.

Canal vegano chega a 1 milhão de inscritos

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários estão fechados.