Sommelier a profissão do futuro

Há quem acredite que a profissão de sommelier é somente para o “provador” de vinhos e espumantes.

Contudo, é uma profissão para aqueles que são especializados em bebidas alcoólicas. 

Certamente essa dúvida se justifica pois na origem era a função de se transportar e provar vinhos antes da nobreza tomar, isso na Idade Média. 

Sommelier

Frequentemente, portanto, o sommelier é então designado aquele que prova os vinhos e os indica em restaurantes e casas especializadas.

Onde além de indicar os vinhos aos clientes também os compra, prova e indica a harmonização. 

Vinhos

Hoje, contudo, tendo em vista a grande procura de pessoas comuns interessadas em vinhos.

Assim formando confrarias ou pela socialização, sommeliers também dão cursos de vinhos e tem ganhado cada vez mais interessados. 

Saúde

Mais e mais pessoas, assim, tem aderido ao estudo dos vinhos, comprovando que não somente pela indicação de uma taça do tinto para a saúde do coração.

Há o interesse, mas também por todo ambiente que envolve essa bebida. 

Antes de mais nada é importante fazer a distinção entre o sommelier e o enólogo, já que são profissões diferentes apesar de ambas lidarem com vinho (nesse caso o enólogo só trabalha com o vinho). 

Assim, o enólogo é quem faz o vinho, ou seja, transforma uva em vinho ou espumante. Ele acompanha desde o solo onde as parreiras serão plantadas até a colheita das uvas, a escolha dos barris etc. 

Já o sommelier, por ser profundo conhecedor da bebida com a qual trabalha,  dessa forma, fica responsável por escolher vinhos, elaborar carta de vinhos, comprar as bebidas, recebe-las e cuidar da armazenagem e indicar aos clientes. 

Profissão

No Brasil, curiosamente, a profissão somente foi regulamentada em 2011, ainda assim, cada vez mais e mais pessoas tem procurado cursos para trabalhar nessa área, inclusive no mercado cervejeiro que cresce exponencialmente. 

Harmonização

Aliás, o sommelier de cervejas deve conhecer não só os estilos dessa bebida como todos os ingredientes, processos de produção, harmonização e até mesmo a história de cada uma delas, sendo responsável até por criar novas. 

Há, entretanto, o mito que o sommelier bebe muito. Isso não acontece durante sua jornada de trabalho; ele coloca na boca, bochecha para ativar as papilas gustativas e também a mucosa das bochechas e depois cospe. 

Mas não se engane, mesmo provando vinhos por horas os provadores das bebidas também são grandes apreciadores e em seus momentos de lazer certamente tomam a bebida com enorme prazer. 

Decerto, que busca a profissão de sommelier é um amante da bebida, afinal, trabalhar com aquilo que se gosta é muito mais prazeroso e deixa de ser uma obrigação. 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.