Cabelos coloridos: aposte na tendência e saiba como cuidar dos fios

Cabelos coloridos

A geração de millennials marcou uma série de tendências na sociedade durante os anos 2000. Quem não se lembra das mechas de cabelo pintadas com papel crepom, que eram febre nas escolas de todo o Brasil e mundo?

Os cabelos coloridos se tornaram a grande moda daquela época, bem como a mecha descolorida na frente do jogada no rosto. O clássico cabelo adolescente daquela década mostrava atitude.

Mas, depois de tantos anos (e muitas trolagens aos jovens millennials), o cabelo voltou com tudo. Um dos exemplos foi o engajamento da Florence Pugh, que desfilou com os cabelos lilás. Prova que essa turma que nasceu nos anos 80 é considerada bem jovem!

A proposta não tem muito direcionamento de cores. Sendo que o mais importante, é manter a hidratação dos fios e a tintura em dia. Assim, evitar o aspecto desbotado que tem tudo a ver com desleixo.

Madeixas coloridas

Para a temporada das madeixas coloridas, o mais importante é saber se a proposta tem a ver com o seu estilo. Portanto, entender se você não está entrando num processo de modismo é fundamental.

No entanto, existem vários formatos de tintura. Aquelas que lembram o efeito esfumado das luzes ou a opção em que a tintura cumpre a versão mais retinha durante a colocação. Inclusive, a última versão é a mais pedida nos salões de beleza.

Nesse sentido, um corte mais curtinho na versão biocolor mostra personalidade. Mas o papel crepom não é o caminho para quem quer chegar a esse visual.

A coloração precisa ser realizada por um profissional, com a opção da tintura semi-permanente chamadas de maquiagem para cabelos. Nunca ouviu falar?

A aplicação colorida nos fios

Enfim, elas não são spray e são aplicadas no cabelo úmido, com a ajuda de um pincel. No entanto, tudo sem aquele aspecto mega ressecado, que acaba com os cabelos.

Inclusive, a marca “Good Dye Young” é vegana e tem feito muito sucesso no exterior. E como essas maquiagens para cabelos são muito concentradas. Elas dão resultado em qualquer tom de cabelo, até no castanho.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários estão fechados.