Carré de cordeiro confira nossa receita

Carré de cordeiro confira nossa receita

Primeiramente o Carré de cordeiro é um prato típico da cozinha francesa. É um corte do lombo do cordeiro.

Porém muito usado em ocasiões especiais. A carne é macia mas tem pedaços de osso. Pode cortar inteiro ou em pedaços a maneira que achar melhor.

Entretanto os condimentos e tempero é que vão dar o sabor especial mesmo que sendo uma receita já utilizada por chefes renomados, você mesmo pode montar o seu, usando a criatividade na cozinha e lembrando que a carne tem que ser bem preparada para não ficar nem muito dura e nem muito mole, ou seja, do seu gosto se você quem vai fazer, ao seu ponto.

No entanto você pode deixar dourar bem do lado de fora mas deixar um pouco de sangue por dentro isso é apenas um dica. mas podem muito bem ser modificada ao gosto.

Rendimento:

  • 08 porcões

Tempo de preparo:

  • 5 minutos

Tempo de forno:

  • 10 a 20 minutos

Ingredientes:

  • 2kg de carré de cordeiro limpo
  • azeite de oliva sal
  • pimenta do reino e tomilho a gosto (tomilho combina muito com cordeiro!)

Há duas maneiras de cozinhar o carré:

Primeira

Sobretudo selar a peça inteira na frigideira, terminar o cozimento no forno e só depois cortar cada costeleta ou apenas selar as costeletas individualmente na frigideira.

Da primeira maneira as costeletas ficam mal passadas.

Segunda

ficam ao ponto ou bem passadas, já que são tão finas que o tempo necessário para caramelizarem por fora é também suficiente para cozinharem por dentro.

Compre o carré já limpo (sem excesso de gordura e com os ossinhos limpos).

Em seguida sele todos os lados do cordeiro em frigideira bem quente com azeite. Tempere com sal, pimenta e folhinhas de tomilho.

Caso esteja fazendo a peça inteira, finalize no forno a 180°, tampado com papel alumínio por 10 a 20 minutos (se quiser testar o ponto, verifique cortando apenas uma costeleta).

Quando cozidas, corte as costeletas e adicione mais uma pitada de sal e pimenta do reino.

Leia mais receitas:

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.